20 de jun de 2007

Vai em Paz Maycon Victor



Maycon Victor não era apenas um agitador cultural.

Era um guerreiro que sabia escolher as armas para lutar em favor de um

setor tão pouco lembrado pela população e tratado de forma secundária e

clientelista por políticos ignorantes, que cultivam, a seu favor e contra a

democracia, a idéia que povo sem educação é melhor para ser manipulado.

Justamente Maycon Victor tinha uma visão consciente do que era brigar

em prol da cultura. Tinha uma visão política e sempre bem objetivo em

suas colocações debatia sobre a cena cultural rondoniense como um todo, partindo do ponto de que sua cidade também necessita de criar pontos de comunicação e colaboração e via que a melhor via era o intercâmbio, portanto,

as outras cidades de Rondônia teriam que se atentar a isso.

Exemplo de que a cultura jovem de Rondônia pulsa com consciência crítica,

política (não confunda com politicagem) e honesta.Maycon era acadêmico de

Jornalismo da ULBRA de Ji-Paraná, cursava o último período, e atualmente

trabalhava no jornal Folha de Rondônia, nas páginas policiais.

Além de tudo isso Maycon Victor era o vocalista da banda Calibre a Gosto,

uma das mais políticas e complexas bandas de Rondônia, daquelas que não se

rotula, difícil de assimilar no início, estava além do senso comum que se vê por

aí, como poucas bandas o fazem.

Infelizmente neste último domingo um rio marcou a fatalidade com este jovem, o que não só comoveu a comunidade de Ji-Paraná, mas sim todos que o conheceram nos rocks da vida, suas idéias e convicções:

- Elton Costa, banda Rádio Ao Vivo, Porto Velho:"Uma pessoa que lutava por uma união de cenário cultural, sem exclusões e alguém que lutava ou era um grande incetivador cultural"

O que fica são as lembranças e a estima e o respeito por quem tanto incentivou a cultura em nosso estado tão necessitado. Valeu Maycon...


Nettü Regert

6 de jun de 2007

"clube dos Idiotas"


"clube dos Idiotas"


Então. Deve-se, definitivamente, escrever sobre alguma coisa.Ou então, ... nada.

Enfim, dentro dos fatos que possivelmente fariam com que alguma palavra saísse de meus dedos, está o simples e contundente reencontro com a voz (?) - pensei por muito tempo em busca de um adjetivo que qualificasse a voz de Kurt Cobain mas infelizmente não consegui alcançar nenhuma que realmente o conseguisse fazer com honestidade.

"Where did you sleep last night?" essa canção que existe desde 1917, já passou pela garganta de muitos músicos importântes, mas eleger a versão do Nirvana Acustico como a mais célebre das versões, pode ser considerado uma ação sem critério, vazia. Mas em resposta a essa possível conclusão digo que essa escolha não foi por mim feita baseada em critérios, mas sim, feita com base apenas em sensações.

Então, ainda que eu não tenha ouvido nenhuma versão da dita música além da eleita eu afirmo com toda convicção que essa é a mais celebre, a mais inquietante, a mais perversa, a mais viceral e definitivamente a mais triste.

Originalmente a música é um Blues, palavra que também quer dizer tristeza no inglês, e traz um diálogo perverso e vingativo que pôe a mulher traídora contra a parede.

Essa "ameaça" cantada pela voz de K.C. parece diferentemente verdadeira, melancolica e devastadora.

As sensações que tenho ao ouvir o cara a cantar essa música me remetem a uma coleção de sensações, todas verdadeiras, inquietantes, melancólicas e pessoalmente célebres.
O "clube dos Idiotas" (nomeado assim pela mãe de K.C.) tem um novato componente à altura de seus fundadores:Brian Jones, Janis Joplin, Jimmy Hendrix, Jim Morrison e cia (todos mortos com 27 em função dos excessos).

Os gênios incompreendidos sustentam o fúnebre legado da pungente e verdadeira música pop.
Que a música nunca morra sem ser compreendida, ou devidamente sentida.

02/06/2007


Erlon R. Sanders.

4 de jun de 2007

Intercambio ROck



O Intercambio ROck tem a intenção de ligar as bandas do estado num projeto mais intimo, pra que seja criado um laço maior e mais forte entre a banda da capital e as do interior (alternativo), a idéia inicia para realização desse intercambio é de que ele não se limite a jipa mais sim ao estado, aumentando assim as chance das bandas tocarem em cidades diferentes dentro do mesmo projeto.


dia 01 de julho PRÉVIA do Intercambio ROck

com:

SCROOF (pvh)

MADE IN MARTE (pvh)

INNOCENCE (pvh)

NEOFYTOS

DI MARCO

CALIBRE A GOSTO

(local ainda a confirmar)

-------------------------------------------------------------------

dia 20 de julho "Intercambio ROck"

com:

A FABRICA (pvh)

RECATO (pvh)

NEOFYTOS

DI MARCO

INSANES

(local ainda a confirmar)

-------------------------------------------------------------------